A Arte do Insulto

 

Quando eu, no auge de minha adolescência revoltada e deprimida ouvia Matanza, não tinha ideia de que veria verdades nas letras daquelas músicas tantos anos depois.

Hoje, me sinto à deriva num mar de insultos e intolerância, que a cada dia fica mais agitado. Esse mar chamasse “redes sociais”, um oceano cheio de riquezas e belezas, mas sempre em tribulações e tormentas.

Basta abrir o facebook e comentar um post, e os ataques já começam. Todos donos da sua própria verdade, incapazes de compreender e respeitar a verdade do outro. Não importa o tema, seja o mais banal (Qual nome coloco no meu gato?), ou o mais complexo (Qual a perspectiva para o futuro da economia brasileira?), as redes sociais estão lotadas de especialistas e estudiosos dos mais variados temas.

Como se não bastasse serem incompreensíveis, os navegadores são desrespeitosos, seus comentários são sempre cheios de agressividade e palavrões, preconceitos e insultos gratuitos.

Mas o que eu deveria esperar dessas novas gerações ? [Pensei por um momento… ] Não veio resposta, até que vi pessoas idosas escarrando o mesmo catarro ácido pra todo lado, sem querer saber a quem estavam atingindo.

Finalmente percebi que o problema não é a idade, a opção sexual, a religião, nível social ou o time que torce. O problema está em mim, que não sou capaz de dizer minhas verdades também. Afinal, Matanza já nos ensinou a arte do insulto.

 

Nada mal pra um boçal,
Retardado mental, infeliz.
Tanto quis ser o tal,
Conhecido entre os mais imbecis.
Muito bem
Você tem
O talento que faz de você
Tão proeminente panaca,
Dos que não são comuns de se ver.

 

Obrigado Matanza.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s